ANJO DO DIA 7 DE OUTUBRO


ANJO DO DIA 7 DE OUTUBRO
POIEL

O Anjo: Este anjo ajuda a vencer demandas. Favorece a aquisição de prestígio, fortuna e a propagação das grandes filosofias.

Influência: Quem nasce sob esta influência será estimado por todos, devido à sua modéstia e humor agradável. Sua fortuna será obtida devido ao seu talento e boa conduta. Conseguirá obter tudo que deseja e estará sempre empenhado em aprender e conhecer todas as coisas do mundo. Apesar da aparência modesta e frágil, lutará para colocar-se em uma posição sócio-econômica favorável e assim obter reconhecimento por seus extraordinários talentos, tornando-se conhecido mundialmente. Aberto a tudo que seja símbolo de vitalidade e generosidade, saberá contrabalançar a razão e a paixão. Acredita na salvação das pessoas pelo amor e estará sempre pronto para ajudar a todos. Trabalhará sempre de acordo com a filosofia espiritualista e angelical. Otimista, saberá enfatizar as qualidades positivas das pessoas e das situações. Com seu encanto, ilumina a vida de todos que o cercam.

Profissionalmente: Terá facilidade para brilhar em terras estrangeiras, por sua facilidade na compreensão de diferentes idiomas e dos mais variados usos e costumes. Terá grande predisposição para trabalhar com rituais de alta magia, sempre para praticar o bem.

Anjo Contrário: Domina a ambição, o orgulho, a agressividade e a incoerência. A pessoa sob a influência deste anjo contrário poderá organizar contrabandos internacionais, elevar-se a custa do trabalho dos outros, falsificar assinaturas de documentos ou cheques, vestir-se de forma ridícula e considerar-se o maior de todos os mestres.

Categoria: Principados
Príncipe: Haniel
Protege os dias: 14/05 – 26/07 – 07/10 – 19/12 – 02/03
Número de sorte: 10
Mês de mudança: outubro
Carta do tarô: A roda da fortuna
Está presente na Terra: de 18:20 às 18:40
Salmo: 144

Salmo 144

 Para superar as dificuldades do   dia-a-dia, tomar a decisão certa e acelerar a solução de   um problema complicado.
1 Bendito seja o   Senhor, minha rocha, que adestra as minhas mãos para a peleja e   os meus dedos para a guerra;
2 meu refúgio e minha fortaleza, meu alto retiro e meu e meu   libertador, escudo meu, em quem me refugio; ele é quem me   sujeita o meu povo.
3 ó Senhor, que é o homem, para que tomes conhecimento dele, e o   filho do homem, para que o consideres?
4 O homem é semelhante a um sopro; os seus dias são como a   sombra que passa.
5 Abaixa, ó Senhor, o teu céu, e desce! Toca os montes, para que   fumeguem!
6 Arremessa os teus raios, e dissipa-os; envia as tuas flechas,   e desbarata-os!
7 Estende as tuas mãos desde o alto; livra-me, e arrebata-me das   poderosas águas e da mão do estrangeiro,
8 cuja boca fala vaidade, e cuja mão direita é a destra da   falsidade.
9 A ti, ó Deus, cantarei um cântico novo; com a harpa de dez   cordas te cantarei louvores,
10 sim, a ti que dás a vitória aos reis, e que livras da espada   maligna a teu servo Davi.
11 Livra-me, e tira-me da mão do estrangeiro, cuja boca fala   mentiras, e cuja mão direita é a destra da falsidade.
12 Sejam os nossos filhos, na sua mocidade, como plantas bem   desenvolvidas, e as nossas filhas como pedras angulares   lavradas, como as de um palácio.
13 Estejam repletos os nossos celeiros, fornecendo toda sorte de   provisões; as nossas ovelhas produzam a milhares e a dezenas de   milhares em nossos campos;
14 os nossos bois levem ricas cargas; e não haja assaltos, nem   sortidas, nem clamores em nossas ruas!
15 Bem-aventurado o povo a quem assim sucede! Bem-aventurado o   povo cujo Deus é o Senhor.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s