Quiromancia: As mãos e o nosso destino


Quiromancia: As mãos e o nosso destino

A arte da quiromancia requer a fusão sutil de duas disciplinas antigas: a quirognomia, o estudo da natureza das mãos e como suas formas e marcas, textura e cor, relacionam-se com o caráter; e a quiromancia , a predição dos eventos da vida a partir da mão.
A quiromancia era praticada na China e na Índia há pelo menos 3.000 anos. Os textos antigos fazem alusão a contar às pessoas sobre seus destinos a partir da forma, das linhas e dos desenhos de suas mãos. Na China era, e ainda é, parte de um estudo que tenta visualizar o destino pelo exame do rosto, das mãos e da testa, para identificar o “caminho correto”de uma pessoa.
Na Índia, a quiromancia é ligada à astrologia. Na Grécia Antiga, a quiromancia era conhecida como quirosofia.
Na Grã-Bretanha , a leitura da mão existe desde o tempo dos druidas. Eles usavam no “Finger Ogam”, forma de comunicação baseada nos movimentos da mão, das falanges, palma. Usavam-no para falar com outra pessoa em completo segredo.
Hoje vemos as linhas finas das mãos como caminhos de energia, e a própria mão como um computador pessoal, que registra eventos em nossas vidas. Aprendemos como marcas e sinais, aumentam próximas a certas áreas.
Como todos os meios de adivinhação, a quiromancia é uma ferramenta com a qual observamos nossa personalidade e julgamos quais as nossas características terão mais impacto em nossa vida. Por essa razão, a arte da quiromancia pode ser usada para predizer o futuro por um tempo limitado e de maneira restrita.
A prática bem sucedida da quiromancia requer empatia entre o quiromante e o consulente. A leitura da mão deve ser feita em uma atmosfera relaxada, onde você pode colocar óleos calmantes e perfumados. Uma certa preparação deverá ser feita antes da leitura. As mãos devem estar limpas, sem esmaltes ou unhas postiças.
A quiromancia, no entanto requer experiência e inteligência, O caráter, por exemplo, não pode ser analisado de relance, dando -se uma olhada na linha do coração. Uma linha do coração curta não significa necessariamente a inexistência de uma vida amorosa.
As marcas da mão são apenas partes de uma imagem mais ampla; e mais, a mão muda com o passar do tempo. A leitura da mão não trata de fazer julgamentos, mas de identificar tendências.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s